O que você não sabia a respeito do lindo cão Chow Chow

Published by: 0

O que você não sabia a respeito do lindo cão Chow Chow Animais de Estimação Cães Raças de Cães

Inúmeras raças de cães foram geradas pelo ser humano com o passar do tempo, contudo o Chow Chow foi uma das poucas espécies que manteve várias de suas particularidades desde sua origem. Existem informes de estátuas do cachorro de mais de 4.000 anos e em documentos escritos desde o ano de onze mil antes de Cristo.


Muitos acreditam, equivocadamente, que a sua origem ocasionou-se na China, porém, na realidade, aconteceu na Mongólia. Isso se deve em razão da natureza deste cachorro, que se mostra igual às propriedades das tribos dos mongóis.
Os chineses importaram essa espécie em uma época onde a China estava sendo atacada a todo o tempo. Sua imagem se aproxima muito a de um leão, além de serem atléticos e majestosos. Reza a lenda que o escure da cavidade bucal que o Chow Chow possui, representa de fato uma defesa contra os espíritos malígnos.

Características do Chow Chow

O Chow Chow é proporcional, de aparência de leão, porte robusto, nobre e fiel, contudo fechado. É veloz e harmonioso em seu conjunto. Além da fisionomia ímpar e da sublime pelagem, a língua de cor preta azulada é específica da espécie.
A cabeça é grande, o stop é pouco proeminente, com a trufa longa, sempre de cor preta, sem contar os espécimes de coloração creme ou mais ou menos brancos, nos quais a trufa de cor mais clara é aceita, ainda que a de cor preta seja sempre predileta.
Os olhos são negros, pequeninos, de formato elíptico. Existem também os espécimes com a cor dos pelos semelhante a seus olhos, por exemplo: cremes e azulados. As orelhas são pequenas, espessas e afastadas. Seu dorso é encurtado, reto e forte, seu peitoral é extenso e profundo, e seu rabo é alto, curvado e bem colocado na anca.
Tem um largo e atraente pelo, bem denso, sendo possível ser liso ou áspero, sensível cada vez que afagado e com uma pelagem da parte interna aveludada. A coloração é capaz de ser o preto monocromático, magenta, amarelo, azul, creme ou branco, com tonalidades, porém sem pintas – debaixo da cauda e na face de trás das coxas a coloração é, no geral, menos escurecida.

Psicológico da raça Chow Chow

De modo geral, o Chow Chow apresenta temperamento brando e sossegado, todavia é um cachorro retraído, independente, com intenso instinto de caça, protetor aficcionado e extremamente leal ao dono. É tido como excessivamente protetor e é capaz de, ao longo do tempo, revelar-se extremamente agressivo no que tange às pessoas diferentes ao convívio familiar.
Com a finalidade de evitar qualquer tipo de embaraço no que se refere às visitas, você tem que começar a socializá-los desde pequeno com pessoas desconhecidas e outros animais. Não é recomendada para donos inexperientes e que não saibam como proceder com seu temperamento independente e dominante. Quanto mais rapidamente você começar a adestrá-lo, mais você terá sucesso em instruí-lo e deixá-lo mais educado. Depois da fase adulta, o Chow Chow ainda pode revelar-se violento com outros cachorros, particularmente os de mesmo sexo.
Eles têm a propensão de ser muito inquietos, em razão disso caminhe com eles regularmente, para que não tornem-se agressivos de suas coisas e bem ansiosos. Todavia, essa espécie não tem necessidade de grandes residências, sendo possível, ainda, habitar em apartamentos.

A Superioridade da raça Chow Chow

Podemos dizer que, na realidade, são os Chow Chow que selecionam os seus donos e não o contrário. Com pessoas estranhas, eles são muito mais ariscos. Por sua proveniência como cachorro sentinela, o Chow Chow conservou sua personalidade territorialista e como dificilmente late, na ocasião em que isto ocorre é um sinal de que há motivos muito fortes para uma verificação.
Seu porte físico e a pelagem abundante não sugere exercícios em grande quantidade especialmente durante os momentos mais quentes do dia. À medida que sua língua vai tornando-se mais clara, é indício de que estão fatigados e têm que descansar.
A despeito de sua pelagem vasta, não costumam perder muito pelo durante o ano, por outro lado, na época da ‘muda’, a queda é acentuada. Para que a pelagem se conserve com saúde, é importante cuidados extras com as escovações. O pelo dos Chow Chow tem uma oleosidade original, por isso os banhos carecem de ser moderados e nunca demasiados.

Problemas normais do Chow Chow

A genética do Chow Chow demonstra que um dos grandes problemas de saúde do cachorro é uma alteração no olho conhecida como “Entropia”. Essa inflamação é originada por uma anormalidade em sua pálpebra. Por isso faz-se primordial a higiene em sua extensão óptica regularmente. A catarata é outra doença usual nos cachorros da raça, tal como a displasia da bacia e a luxação nos jarretes.
Além dos cuidados naturais com a exposição dos cachorros ao calor, os Chows são particularmente sensíveis a alguns distúrbios como problemas de pele e doenças hormonais.
Por causa de, anteriormente, o cão ter sido puxador de trenó, em certas ocasiões há a possibilidade de ser complicado passear com ele pelas ruas, por causa disso é essencial o socializar, ou caso não seja praticável, tente sair com ele na rua em horários que estejam poucos indivíduos passando pela rua.

Como cuidar de um Chow Chow

É necessário instruir o Chow Chow, assim que puder, com cuidado, tolerância e flexibilidade, todavia o tempo todo com firmeza, deixando evidente para ele que você é o mestre.
Com a pelagem alisada, é essencial pentear uma vez por semana; porém o pelo mais duro tem que ser penteado a cada dois dias.
Penteie a pelagem do seu melhor amigo canino com uma escova leve para expelir a pele seca e prevenir futuros embolados. Se houver desembolados, desate-os com os dedos antes de desfazê-los com a escova, com o objetivo de não machucar o cão. Dê um banho por mês em seu Chow Chow.
O Chow Chow consegue permanecer em qualquer aposento da residência, não há necessidade de descansar do lado exterior. O exercício faz-se útil continuamente.
A alimentação do Chow Chow tem que ser moderada, com o consumo de proteínas, fibras, hidratos, gorduras, minerais e vitaminas. A melhor alternativa é uma ração de qualidade boa. Não se esqueça de a todo o momento deixar uma vasilha com comida e outra com água, constantemente próxima do seu animal doméstico.

Os Filhotes do cão Chow Chow

Quando filhotes, eles não possuem a língua azul, assim como se depara nos cachorros crescidos, eles têm uma língua rosada, e esta vai se tornando mais escura aos poucos. Este evento acontece até as oito semanas de existência.
Mesmo que eles possam ser ótimos cães de companhia, não vão poder ser expostos e nem devem ser empregados para proliferação, uma vez que essa é uma falta que o desclassificaria.
Por suas propriedades de comportamento, os filhotinhos têm que ter cursos de disciplina desde muito novo. Esses filhotes não são inteiramente destruidores ou bagunceiros, a adestração tem o dever de ser feita para limitar o seu impulso agressivo.
Ofereça alimentos a eles até 5 vezes, todos os dias, até completar os seis meses de idade. Com o tempo, uma alimentação diária na parte da manhã e no fim de tarde já é suficiente.

Curiosidades a respeito do Chow Chow

Não se pode assegurar perfeitamente as origens do Chow Chow. O que se conhece com relação a isso é: São provenientes do Mastim Do Tibet
– A raça é de origem chinesa, entretanto Chow Chow não é uma denominação chinesa. Vem do britânico informal e era uma maneira habitual de chamar os adornos e novidades originárias das nações asiáticas. Seu título quer dizer “Cachorro Leão Empolado” no nosso idioma.
– Podemos averiguar a procedência do Chow Chow, observando sua língua. Caso seja mais rósea do que azulada, então não é uma raça genuína.
Sobretudo, é importante fazer a tosa periodicamente a fim de que os pelos não fiquem entrando nos olhos do cachorro e bloqueando sua visão.
O Chow Chow não sabe nadar – Várias pessoas supõem que qualquer cão pode nadar, todavia algumas raças não nadam tão bem assim. O Chow Chow tem diversos pelos que, quando acham-se ensopados, tornam o cão mais pesado e atrapalham sua performance na água.